Olhares descomprometidos, mas interessados, sobre o Marco de Canaveses. Pontos de vista muitas vezes discordantes, excepto no que é essencial. E quando o essencial está em causa, é difícil assobiar para o lado.
29
Set 09
publicado por José Carlos Pereira, às 19:05link do post | comentar

O meu amigo José Aguiar, licenciado em filosofia, professor e especialista na área da educação, escreveu-nos desde Inglaterra, onde está radicado há alguns anos. Aguiar chegou a ser líder da concelhia da Juventude Socialista em meados dos anos 80, tendo sido meu contemporâneo na secundária e na universidade.

Refere José Aguiar que acompanha o Marco 2009 e lamenta a falta de debate de ideias e de propostas neste período pré-eleitoral. Diz que é disso que o concelho necessita para se afastar do "discurso paroquial e populista com que temos sido prendados nas ultimas  décadas".

Entretanto, envia-nos a revista "Healthier Inside", em que publica um artigo intitulado "Citizenship and young offenders" (págs. 10 e 11), dando conta da sua experiência na ressocialização e na educação para a cidadania de jovens delinquentes. É bom ver mais um marcoense a ser bem sucedido num dos países mais desenvolvidos e competitivos da Europa.


O Zé tem toda a razão.
O Marco tem que mudar rapidamente. Ele sabe quem tem ideias e projectos para o Marco.




tonymadureira a 29 de Setembro de 2009 às 19:31

Será que não se arranja forma de arranjar uma bolsa e enviar para inglaterra o Dr. MAnuel Maria Moreira, ele tem um curriculum invejavel, se for preciso contribuir financeiramente, eu contribuo com alguns euros, e grande parte dos marcoenses,estou convencido que tambem participarão nas ajudas, milhares de marcoenses, para verem o MM longe, até são capazes de contrariem um emprestimo para ajudar.
Cartoonista Vilabonense a 2 de Outubro de 2009 às 00:55

pesquisar neste blog
 
blogs SAPO