Olhares descomprometidos, mas interessados, sobre o Marco de Canaveses. Pontos de vista muitas vezes discordantes, excepto no que é essencial. E quando o essencial está em causa, é difícil assobiar para o lado.
09
Out 10
publicado por João Monteiro Lima, às 23:15link do post | comentar

Numa atitude que registo, tive oportunidade, há poucos dias, de conhecer o Presidente da AD Marco09, Fernando Alves e com ele trocar algumas impressões.

Numa conversa não muito longa mas produtiva, tivemos oportunidade de trocar algumas opiniões sobre alguns temas como a actividade que a Associação a que preside vem desenvolvendo e obviamente sobre a notícia que a comunicação social trouxe a público e à qual fizemos referência aqui no Marco2009: a detenção a que foi sujeito.

Com franqueza e olhos nos olhos, disse a Fernando Alves qual era a minha opinião sobre o assunto, transmiti-lhe que a notícia tal como foi dada poderá ter induzido os leitores para uma interpretação que poderá não ter sido a mais correcta, pelo que, e no meu entender, deveria ter efectuado um esclarecimento de imediato.

Da mesma forma, franca e olhos nos olhos, o Presidente do Marco09, transmitiu-me o que terá acontecido. Ouvi com atenção e acreditei no que me disse.

Não entrando, obviamente, em pormenores sobre o que falamos, notei serenidade e empenho em Fernando Alves.

Serenidade para enfrentar o desenrolar dos acontecimentos e empenho para continuar a trabalhar em prol da Associação a que preside. Empenho em não se desviar (conjuntamente com a direcção) do rumo traçado, o rumo de rigor que faltou ao FC Marco.

 

(Nota final: escrevi este texto sem entrar em detalhes da conversa e apenas porque Fernando Alves não se opôs a que divulgasse que tinhamos conversado, se assim não fosse não o teria feito)


pesquisar neste blog
 
blogs SAPO