Olhares descomprometidos, mas interessados, sobre o Marco de Canaveses. Pontos de vista muitas vezes discordantes, excepto no que é essencial. E quando o essencial está em causa, é difícil assobiar para o lado.
09
Nov 12
publicado por João Monteiro Lima, às 00:05link do post | comentar

Dizem-me que o PCP reunirá em plenário de militantes, e mesmo desconhecendo o que lá será discutido, não andarei longe se avançar que provavelmente abordarão as próximas eleições autárquicas.

Em 2009, a CDU perdeu mais de 400 para a Câmara com António Varela e cerca de 190 votos para Assembleia na lista que encabecei.

Tal como tive oportunidade de escrever logo após terem sido conhecidos os resultados, a CDU (que tal como o PS foi vítima do voto útil em Manuel Moreira) não atingiu os objectivos a que se tinha proposto, apesar de ter mantido um eleito na Assembleia e ter reforçado votação e eleitos em Toutosa e Rosem

Nestes 3 anos, o PCP elegeu uma nova comissão concelhia (a qual até hoje nunca foi tornada pública) e está perante o seguinte dilema: apostará na candidatura à Câmara (onde poderá tentar recuperar o eleitorado perdido em 2009) ou jogará a sua cartada na Assembleia tentando recuperar eleitorado e reforçar o número de eleitos?

Uns dirão que a actividade política do PCP não se esgota nas eleições, mas o certo é que nesse momento que grande parte da actividade partidária está em jogo, e os partidos fazem-se de pessoas, de votos e eleitos.

Entre os possíveis candidatos a um ou outro órgão estão, entre outros, Filipe Baldaia, José Fonseca, José Vasconcelos, Isabel Baldaia, Isabel Pinto, Soledade Coutinho ou Benjamim Marques, desconhecendo, no entanto, se há ou não disponibilidade de algum destes para ir a votos como primeiro candidato.

Naturalmente, Isabel Baldaia deverá ser de novo candidata à freguesia de Toutosa (isto se se mantiverem as actuais freguesias) para um terceiro mandato. Atendendo a que o quadro mais qualificado para encabeçar uma candidatura é Filipe Baldaia, o PCP terá que optar (caso o advogado esteja disponível) se avança para a Câmara ou para a Assembleia.

As probabilidades de eleição para a Câmara são reduzidas, sendo que, caso avance para a Assembleia, Filipe Baldaia poderá dar continuidade a um trabalho que iniciou em 2001e ao qual tentei dar continuidade em 2005 e 2009. O surgimento de um outro candidato à Assembleia poderá não estar afastado, mas poderá ser uma jogada arriscada do PCP, pois arrisca um eleito num órgão de grande importância, pelo que esse eventual candidato poderá a avançar para a Câmara onde o risco é menor.

A, em alguns sectores socialistas e comunistas, tão desejada alternativa de esquerda no Marco dificilmente acontecerá no próximo ano, pois mesmo que da parte do PS Marco houvesse essa disponibilidade (que desconheço), pelo menos, os órgãos não locais do PCP se oporiam

tags:

20
Ago 12
publicado por João Monteiro Lima, às 12:55link do post | comentar | ver comentários (3)

Joaquim José Baldaia, do PCP Marco, enviou-nos o comunicado daquela estrutura partidária sobre o encerramento da extensão de saúde da Livração, bem como a pergunta do deputado Jorge Machado (PCP) dirigida ao Ministro da Saúde

Transcreve-se

 

Comunicado

 

A Extensão de Saúde da Livração, na freguesia de Toutosa, serve cerca de 4500 utentes provenientes das freguesias de Toutosa, Santo Isidoro, Constance, Banho e Carvalhosa e o lugar de Selala, da freguesia de Vila Caíz, do concelho de Amarante.

Esta Extensão está integrada no Centro de Saúde de Marco de Canaveses, o qual sofreu recentemente obras de beneficiação.

O PCP tem conhecimento de diversas queixas de utentes da Extensão de Saúde da Livração (CS Marco de Canavezes), referindo a sua impossibilidade de aceder à prestação de cuidados médicos devido ao encerramento anormal das instalações, o que acontece durante um dia e meio, como refere o cartaz colocado, surpreendentemente, na porta, como se de um estabelecimento comercial se tratasse e os utentes fossem uns meros clientes.

Tal procedimento não é aceitável, mostra falta de respeito pelos direitos mais básicos dos utentes e obriga a que se tomem medidas para garantir o integral funcionamento desta Extensão de Saúde.

Importa referir também que, de acordo com informações recolhidas, há utentes que esperam três meses por uma consulta.

O PCP tem razões para desconfiar que esta grave situação é mais um esquema, como muitos outros, que ao longo dos últimos anos os Governos PS, PSD e CDS, que em nome da contenção orçamental,  têm vindo a destruir este imprescindível  Serviço de Saúde de proximidade.

O PCP vai estar nesta luta com os utentes da Extensão de Saúde da Livração, como já o fez no passado, em que os utentes vivem a difícil situação da falta de médicos que assegurem o serviço público a que a toda a comunidade tem direito.

 

Pergunta de Jorge Machado

 

Assunto: Encerramento da extensão de saúde da Livração (Freguesia de Toutosa – Concelho de Marco de Canaveses

 

Destinatário: Min. Da Saúde

 

Ex. ma Sr.ª Presidente da Assembleia da República

 

A Extensão de Saúde da Livração, na freguesia de Toutosa, serve cerca de 4500 utentes provenientes das freguesias de Toutosa, Santo Isidoro, Constance, Banho e Carvalhosa e o lugar de Selala, da freguesia de Vila Caíz, do concelho de Amarante.

 

Esta Extensão está integrada no Centro de Saúde de Marco de Canaveses, o qual sofreu recentemente obras de beneficiação.

 

Acontece que, chegou ao conhecimento do PCP diversas queixas de utentes da Extensão de Saúde Livração (CS Marco de Canavezes), referindo a impossibilidade de aceder à prestação de cuidados médicos por encerramento anormal das instalações.

 

Na verdade, recentemente os utentes foram informados do encerramento desta extensão apenas pela afixação de um cartaz na porta como se de um estabelecimento comercial se tratasse e os utentes uns meros clientes.

 

Ora, tal procedimento não é aceitável, mostra falta de respeito pelos direitos mais básicos dos utentes e obriga a que se tomem medidas para garantir o integral funcionamento desta extensão de saúde.

 

Importa referir que, de acordo com informações recolhidas, há utentes que esperam três meses por uma consulta.

 

Assim, ao abrigo da alínea d) do artigo 156º da Constituição e nos termos e para os efeitos do 229º do Regimento da Assembleia da República, pergunto ao Ministério da Saúde o seguinte:

 

1.Porque foi encerrada a extensão de Saúde da Livração?

 

2. Deve-se essa decisão, de não abertura desta extensão de saúde, a algum problema de falta de meios materiais ou humanos?

 

3. Que medidas vai este ministério tomar para resolver este problema?

 

Palácio de São Bento, Sábado, 18 de Agosto de 2012

 

Deputado/a(s)

 

Jorge Machado (PCP)

 


31
Jul 12
publicado por João Monteiro Lima, às 00:55link do post | comentar

Joaquim José Baldaia, da comissão concelhia do PCP, enviou-nos o seguinte pedido de divulgação do Convívio de Verão do PCP Marco. Publica-se

 

tags:

23
Mai 12
publicado por João Monteiro Lima, às 00:55link do post | comentar | ver comentários (2)

O blog da JS Marco dá um grande destaque a um conjunto de debates (5 no total) que aquela estrutura está a promover sobre a reforma da administração local.

O primeiro desses debates acontecerá na Casa do Povo da Livração, no próximo dia 1 de Junho, a partir das 21h 30m, estando aberto a todos, mas naturalmente centralizado para os habitantes das freguesias de Toutosa, Santo Isidoro, Banho e Carvalhosa, Constance, Vila Boa de Quires, Maureles e Sobre-Tâmega.

Os jovens socialistas pretendem dar a conhecer aos marcoenses quando acontecerá a reforma, como será feita e o que mudará.

No mesmo blog, os jovens socialistas avançam com a presença de representantes do PS, PSD e do CDS, concluindo-se que o PCP não se fará representar.

Já tinha tido conhecimento da não representação do PCP nestes debates, o que me surpreendeu negativamente. Entendo que o PCP ao não participar nestes debates dá, não um, mas dois tiros nos pés. Explico, não participando um representante do PCP, os comunistas não conseguirão fazer chegar aos marcoenses a posição que têm sobre a reforma da administração local e, a leitura que já me foi feita - de que "o PCP do Marco mais não consegue dizer que o diz o PCP nacional", terá que ser aceite sem desagrado, pois essa imagem é a que transparece desta "não participação".

Entendo que o PCP Marco deve reconsiderar esta posição - eu ainda sou do tempo em que os comunistas não viravam a cara à luta -, indicando um membro da sua concelhia para estes debates, tanto mais que o primeiro é realizado na freguesia onde a CDU é maioria e onde orgulhosamente a Junta local exibe na fachada da sua sede uma tarja contra a reforma proposta pelo governo.

Veremos o que vai acontecer


20
Abr 12
publicado por João Monteiro Lima, às 17:55link do post | comentar

Filipe Baldaia, responsável do PCP Marco enviou-nos a posição do PCP sobre a supressão de horários na Linha do Douro.

Assim, depois das posições do PCP, PSD e PS do Marco aguarda-se que também a concelhia liderada por Avelino Ferreira Torres diga o que pensa sobre este assunto.

Transcreve-se o comunicado do PCP Marco:

 

Nota de imprensa

 

Em defesa da linha ferroviária do Douro

 

A linha do Douro presta um importante serviço às populações do interior do País, mas tem vindo a ser negligenciada por sucessivos Governos.

Desde 2003 que o PCP apresenta propostas na Assembleia da República para que se proceda à electrificação e colocação de via dupla na ferrovia entre as Estações de Caíde e Ermida. Propostas essas sempre rejeitadas pelo PS, PSD e CDS.

O benefício desta obra abrangeria para além dos concelhos de Baião e Marco de Canavezes, também Cinfães e Resende, e permitiria oferecer um serviço de melhor qualidade, aumentando o universo de utentes daquela linha e diminuindo os custos de exploração pela CP.

No entanto, o actual Governo PSD/CDS abandonou esta obra sem data prevista para a sua retoma, em virtude dos cortes orçamentais no investimento público, prometendo que “o serviços de transporte público de passageiros continua e continuará a ser assegurado como tem sido até aqui, não existindo qualquer prejuízo para os passageiros”.

O Governo mentiu descaradamente! Menos de 2 anos passaram após terem garantido que o serviço continuaria a ser assegurado como tem sido até aqui e agora é dada a informação que a CP pretende reduzir as ligações diárias entre Marco e Caíde, passando de 41 para apenas 26.

À argumentação que a linha do Douro dá demasiado prejuízo à CP respondemos com os prejuízos causados pela não concretização da electrificação da linha do Douro e com o prejuízo que representa o agravamento das assimetrias regionais causados pela falta de um serviço público essencial às populações abrangidas.

O que o actual Governo PSD/CDS pretende fazer agora na linha do Douro, a juntar ao que o anterior Governo do PS já fez na linha do Tâmega, mostra que para estes partidos os caminhos-de-ferro só são prioritários quando toca à privatização.

A Comissão Concelhia do Marco de Canaveses do Partido Comunista Português repudia a destruição do transporte ferroviário em curso, e demonstra a sua solidariedade com os utentes em luta pela defesa da linha do Douro, luta essa que é também uma luta do PCP.

tags:

18
Abr 12
publicado por João Monteiro Lima, às 12:55link do post | comentar

O dirigente do PCP Marco, Joaquim José Baldaia, escreveu-nos a dar conta de uma iniciativa que as concelhias do PCP do Marco e de Amarante irão realizar no próximo dia 25 de Abril. Publica-se o cartaz que nos foi enviado:

 

 

 

tags:

09
Mar 12
publicado por João Monteiro Lima, às 00:05link do post | comentar

Recebemos de Joaquim José Baldaia a seguinte nota de imprensa da Comissão Concelhia do PCP do Marco de Canaveses:

 

Nota de imprensa CDU promoveu sessão de esclarecimento sobre água e saneamento em Santo Isidoro

 

Cerca de 40 pessoas estiveram presentes, no dia 25 de Fevereiro, na iniciativa promovida pela CDU e dedicada ao tema: “A água é de todos e não um negócio de alguns!” na Escola EB1 de Santo Isidoro no Marco de Canaveses, a sessão foi presidida pelo Vice Presidente da “Associação Água Pública Francisco Teixeira, pelos eleitos da CDU na Assembleia de Freguesia de Santo Isidoro, Jorge Baldaia e Rita Lopes e pelos membros da Comissão Concelhia do Marco de Canaveses do PCP, Paulo Macieira e Sofia Carvalho.

Francisco Teixeira assinalou os perigos das políticas privatizadoras que vigoram actualmente em Portugal sublinhando a importância da água enquanto serviço fundamental e necessário à vida humana, que não pode estar sujeito às regras do lucro e das negociatas financeiras. Os eleitos da Freguesia Santo Isidoro relembraram a história dos anos seguintes ao 25 de Abril em que o povo da freguesia deitou mãos à obra e construiu o seu subsistema de agua ao domicilio (na altura Junta CDU), o mesmo que hoje a Junta explora de forma precária, votando ao abandono as infra-estruturas com total despreocupação em alargar a cobertura do serviço.

No decurso da iniciativa foram registadas várias queixas dos moradores ao nível da falta de saneamento básico, como a existência de autênticos esgotos a céu aberto, causadores da poluição do lençol freático e assim dos furos de água. Também nesta sessão, foi passado um filme da disfuncional mini ETAR, instalada na freguesia de Vila Caiz, Amarante, comprovativo que a referida ETAR não está a funcionar, despejando a céu aberto as águas residuais sem qualquer tratamento, no ribeiro de Alvim, onde a escassos centenas de metros é captada a água que serve a freguesia de Santo Isidoro, demonstrando a irresponsabilidade de alguns autarcas do Concelho vizinho de Amarante e a falta de respeito por quem mora em Santo Isidoro.

Segundo o público presente a mini ETAR - construída em 2009 - passou a constituir uma fonte permanente de maus cheiros e a água do Ribeiro para onde são feitas as descargas, usado colectivamente para rega dos campos pelos agricultores locais, passou a estar permanentemente poluída, inquietando os moradores de Santo Isidoro, uma vez que a Junta de Freguesia não tem divulgado o resultado das análises da água que abastece a rede ao domicilio.

Neste contexto, a CDU vai expor e exigir às autoridades governamentais e autárquicas de Amarante e do Marco de Canaveses que tomem, de facto, o pulso à situação e imponham "uma solução alternativa e com qualidade, à empresa Águas de Amarante e Águas do Marco, pugnando pela defesa da água pública”. Importa ainda a fixação de um calendário para o encerramento definitivo desta pseudo-ETAR de Vila Caiz e até lá que a mesma desempenhe as funções para as quais foi construída, ou seja o tratamento das águas residuais e que seja feita uma análise à qualidade da água que é captada no ribeiro.

 

Marco de Canaveses, 6 de Março de 2012

 

A Comissão Concelhia do Marco de Canaveses do PCP


28
Jan 12
publicado por João Monteiro Lima, às 01:55link do post | comentar | ver comentários (2)

Num comentário a um outro post, um leitor identificado José Silva perguntava sobre a constituição da concelhia do PCP Marco após o Plenário de Militantes.

Gostava de poder satisfazer a curiosidade do leitor, mas não consigo, tão só porque também não sei. Ao contrário que aconteceu após I Plenário de militantes, realizado em 2007 em Toutosa, em que foi dado a conhecer, aos órgãos de comunicação social, os elementos que integravam a Comissão Concelhia do PCP, desta vez isso não foi feito. Ou pelo menos, ao Marco2009 não chegou essa informação (e também é justo dizer que não eram obrigados a fazê-lo).

Saberá o leitor, ou se não sabe ficará agora tal como muitos outros leitores do Marco2009, que não faço parte (por vontade e decisão própria) da Comissão concelhia do PCP Marco desde Outubro de 2010, pelo que, tal como fui avançado noutros posts, a comissão concelhia do PCP Marco teria novas pessoas. Relembro ainda que desde o último plenário de militantes (órgão que elege a comissão concelhia), foram expulsos dois militantes do PCP, militantes que integrarão listas de outros partidos ou lista de cidadãos independentes. Acresce ainda que faleceram dois militantes que integravam a anterior comissão concelhia do PCP.

Penso que, na nova comissão concelhia do PCP Marco, estarão quase todos os militantes que constituíam a anterior, pelo que nomes como Filipe Baldaia, Isabel Baldaia, Isaura Monteiro, José Fonseca, José Vasconcelos, Hélder Tavares, Joaquim José Baldaia, Fernando Reis, Isabel Cardoso e Sofia Carvalho, acrescidos de outros militantes (pelo menos, 4) por lá estarão

Continuo a achar que o responsável concelhio do PCP é Filipe Baldaia, que tenho como o elemento melhor preparado para representar o PCP pois tem experiência política e maior exposição pública, embora haja quem não partilhe desta opinião relativa à exposição pública.

tags:

16
Out 11
publicado por João Monteiro Lima, às 12:55link do post | comentar | ver comentários (2)

Decorre hoje o II Plenário de militantes do PCP do Marco, a partir das 15h na antiga sede de campnha da CDU, na Rua Eusébio da Silva Ferreira.

Os militantes do PCP aprovaram uma resolução política e elegeram uma nova comissão concelhia.

Filipe Baldaia deverá continuar como responsável local do PCP sendo que a nova estrutura concelhia deverá sofrer algumas alterações. Pelo menos, 5 novos militantes deverão integrar a concelhia marcoense do PCP, pois 5 foram os militantes que deixaram a estrutura no decorrer do mandato, uns por falecimento, outros por expulsão e outro por decisão pessoal.

Neste plenário de militantes estará presente Jorge Sarabando, membro da Direcção da Organização Regional do Porto do PCP.

tags:

11
Out 11
publicado por João Monteiro Lima, às 00:05link do post | comentar

Já tinha escrito no Marco 2009 que estava agendado para o ano de 2011, um plenário de militantes do PCP. Tive a informação que o II Plenário de militantes do PCP do Marco de Canaveses irá decorrer no próximo dia 16 de Outubro.

Fica o convite enviado aos militantes do PCP do Marco de Canaveses.

 

Camarada:

No cumprimento dos Estatutos do nosso Partido, a Comissão Concelhia de Marco de Canaveses do PCP convoca-te para a II Assembleia da Organização a realizar no dia 16 de Outubro de 2011, às 15 horas, na Rua Eusébio da Silva Ferreira – Galeria, Fornos, Marco de Canaveses.

Na ocasião será eleita a nova Comissão Concelhia bem como Plano de Trabalho para o próximo período.

 

Ordem de Trabalhos:

1º Discussão e aprovação da Resolução Política da Organização Concelhia;
2.º Eleição da nova Comissão Concelhia.

 

Com a participação de Jorge Sarabando, membro da Direcção da Organização Regional do Porto do PCP.

 

No próximo dia 16 de Outubro de 2011, participa com entusiasmo nos trabalhos da Assembleia da tua Organização!
Camarada, a tua participação é fundamental para o sucesso dos nossos trabalhos e para o reforço do nosso Partido.

 

Saudações comunistas.
Comissão Concelhia de Marco de Canaveses PCP

tags:

22
Ago 11
publicado por João Monteiro Lima, às 17:55link do post | comentar

o responsável do PCP Marco, Filipe Baldaia enviou-nos a seguinte informação sobre a excursão à Festa do Avante que o PCP Marco vai organizar: 

 

A Comissão Concelhia do PCP do Marco de Canaveses organiza uma excursão à Festa do Avante.

 

Dias 2, 3 e 4 de Setembro (Sexta a Domingo)

 

A partida será às 6:00 horas do dia 2 e regresso no fim da Festa.

 

Custo: Viagem 25 € + Entrada na Festa (EP) 20 €

 

Contactos para inscrições:

 

Paulo Macieira: 917124269,

 

Quim Zé: 917638028,

 

Hélder Tavares: 967783910,

 

sede do PCP 255213023

 

EP’s à venda na sede do PCP em Penafiel (Edifício Ribeiros, Trás., junto ao Estádio do FC Penafiel) e junto dos organizadores da excursão


19
Jul 11
publicado por João Monteiro Lima, às 00:05link do post | comentar

Recebemos da Comissão concelhia do PCP do Marco de Canaveses a seguinte nota à imprensa que se divulga:

 

A Comissão Concelhia do Marco de Canaveses do PCP, agradece a divulgação da seguinte nota de imprensa:

 

 

IV Festa/Convívio Verão CDU

 

A Comissão Concelhia do Marco de Canaveses do PCP, organiza no próximo domingo, dia 24 de Julho de 2011, no Parque de merendas de Montedeiras em Sande, Marco de Canaveses a IV Festa/Convívio de Verão CDU.

A Festa/Convívio é uma iniciativa aberta a todos os militantes PCP, simpatizantes e amigos da CDU. Inicio ás 12h30 com almoço ( piquenique ), seguido de intervenções politicas, destacando-se a intervenção de Belmiro Magalhães membro da Direcção da Organização Regional do Porto e do Comité Central do Partido Comunista Português.

Os participantes podem ainda contar com animação musical, sardinhas, um porco no espeto e uma Exposição evocativa do 90º Aniversário do Partido Comunista Português.

 

 

Marco de Canaveses, 15 de Julho de 2011

 

A Comissão Concelhia do Marco de Canaveses do PCP

tags:

15
Jul 11
publicado por João Monteiro Lima, às 17:55link do post | comentar

Recebemos de Filipe Baldaia, responsável do PCP Marco, a seguinte informação:

 

A Comissão Concelhia do PCP do Marco de Canaveses organiza uma excursão à Festa do Avante. Dias 2, 3 e 4 de Setembro (Sexta a Domingo)

 

A partida será às 6:00 horas do dia 2 e regresso no fim da Festa. Custo: Viagem 25 € + Entrada na Festa (EP) 20 €

 

Contactos para inscrições:

 

Paulo Macieira: 917124269, Quim Zé: 917638028, Hélder Tavares: 967783910, sede do PCP 255213023

 

EP’s à venda na sede do PCP em Penafiel (Edifício Ribeiros, Trás., junto ao Estádio do FC Penafiel) e junto dos organizadores da excursão


13
Mai 11
publicado por João Monteiro Lima, às 17:55link do post | comentar

O PCP Marco, através do seu dirigente Hélder Tavares, enviou o seguinte texto relativo à visita dos deputados e de novo candidatos do PCP pelo distrito do Porto, Honório Novo e Jorge Machado, às pedreiras do concelho. Informam-se ainda os leitores da vinda de Jorge Machado amanhã, Sábado, dia 14 de Maio, ao Marco, às 9h estará no mercado semanal em Alpendurada e às 11h estará na Feira do Marco.

Transcreve-se o texto recebido:

 

Ontem, dia 11 de Maio, Honório Novo e Jorge Machado, acompanhados por dirigentes do PCP e outros candidatos da CDU, visitaram diversas pedreiras nos concelhos do Marco de Canaveses e de Penafiel, tendo contactado com os trabalhadores.
No contacto com pedreiros os deputados e candidatos da CDU destacaram a proposta apresentada na última legislatura de defesa da redução da idade da reforma destes trabalhadores, lembrando que tal só não foi concretizado porque os partidos da política de direita (PS, PSD, CDS) estiveram contra.
Os candidatos da CDU reafirmaram o compromisso de tudo fazerem para intervirem na defesa de melhores condições de segurança e de trabalho para os pedreiros, bem como pela elevação dos seus salários.

tags:

23
Abr 11
publicado por João Monteiro Lima, às 00:05link do post | comentar

A concelhia do PCP Marco enviou o seguinte pedido de divulgação de uma sessão pública com Honório Novo. Transcreve-se:

 

 

Foi entregue em tribunal a lista de candidatos da CDU às eleições de 5 de Junho, pelo círculo do Porto, sendo a primeira força a formalizar a candidatura neste distrito.No momento da entrega, o deputado Jorge Machado destacou a grande presença de mulheres e jovens na lista, bem como a disponibilidade dos candidatos para uma campanha assente no contacto directo com os trabalhadores, a população e as diversas entidades desta região, capaz de assegurar o esclarecimento e a mobilização dos eleitores para uma mudança de políticas, reforçando a CDU e contribuindo para uma política e um governo patriótico e de esquerda.
Conheça aqui os candidatos da CDU pelo distrito do Porto
 http://www.porto.pcp.pt/index.php?option=com_content&task=view&id=1163&Itemid=64
 
 
No próximo dia 30 de Abril pelas 16H00, contaremos com a presença do Camarada Honório Novo numa Sessão Pública para apresentação do compromisso eleitoral.
 
A tua presença é indespensavel “ traz outro amigo também “, não faltes.
 
“ Espaço CDU “ Rua Eusébio da Silva Ferreira, Marco de Canaveses
 

tags:

pesquisar neste blog
 
blogs SAPO