Olhares descomprometidos, mas interessados, sobre o Marco de Canaveses. Pontos de vista muitas vezes discordantes, excepto no que é essencial. E quando o essencial está em causa, é difícil assobiar para o lado.
12
Abr 10
publicado por José Carlos Pereira, às 18:15link do post | comentar

À entrada da última semana de campanha para a eleição dos órgãos concelhios de Marco de Canaveses de PS e PSD deixarei aqui a minha visão sobre esses actos eleitorais. O  que sei de ambos os partidos?

Relativamente ao PS/Marco, devo dizer que fiquei a conhecer suficientemente a sua estrutura na campanha eleitoral de 2005, quando liderei, como independente, a lista candidata à Assembleia Municipal. No que diz respeito aos candidatos, conheço melhor Artur Melo do que Rolando Pimenta e quem acompanha este blogue desde o início sabe das minhas divergências políticas com Artur Melo, na sequência das posições que tomou enquanto líder do PS.

Quanto ao PSD/Marco, ignoro a sua estrutura interna - lembro que deixei de ser militante em 1987 - já que a minha experiência como deputado municipal independente entre 2001 e 2005 fez-se à margem dos órgãos desse partido. No que concerne aos candidatos, posso dizer que conheço mal José Cruz e que sou amigo de Rui Cunha desde os bancos da escola secundária. Esse lastro de convivência e amizade facilitou o nosso relacionamento político - de aliados em 2001 a adversários entre 2005 e 2009.

Está feita a minha "declaração de interesses".


pesquisar neste blog
 
blogs SAPO