Olhares descomprometidos, mas interessados, sobre o Marco de Canaveses. Pontos de vista muitas vezes discordantes, excepto no que é essencial. E quando o essencial está em causa, é difícil assobiar para o lado.
31
Mar 12
publicado por João Monteiro Lima, às 12:55link do post

Recentemente ficamos a saber que a Cãmara de Baião é um dos municípios melhor geridos do País. Sendo um apreciador do trabalho desenvolvido por José Luís Carneiro não poderia deixar de dar destaque a esta notícia que muito orgulha os Baionenses, mas também todos que, não estando agarrados a dogmas partidárias têm capacidade para reconhecer o que de melhor se faz na região.

De parabéns estão os Baionenses, pois também por estas notícias se prova que as sucessivas apostas em José Luís Carneiro e na sua equipa. foram apostas acertadas, mas também quem está à frente do município. Parabéns José Luís Carneiro

O município de Baião no seu site dá destaque esta notícia que pela sua importância deixo aos leitores do Marco 2009

 

O município de Baião é, pelo quarto ano consecutivo, um dos melhores geridos a nível nacional, segundo a mais recente edição do prestigiado Anuário Financeiro dos Municípios Portugueses, referente a 2010. Baião obteve o primeiro lugar a nível distrital no que diz respeito à previsão das receitas liquidadas e receitas previstas, atingindo um rácio de 81,9%. Este indicador denota um grande rigor e transparência na elaboração do plano e orçamento municipal. Baião é também o segundo concelho com menor passivo exigível por habitante (menor volume de dívida por habitante) a nível distrital.

"Estarmos classificados nestas posições é a demonstração do esforço de gestão criteriosa e transparente que a autarquia tem levado a cabo no sentido de manter o equilíbrio das suas contas e de fazer face aos compromissos assumidos", observa o presidente da edilidade, José Luís Carneiro.

Os indicadores apresentados por Baião neste anuário têm vindo a melhorar de ano para ano. Face ao Anuário de 2009 o concelho de Baião 18 posições no capítulo da previsão das receitas liquidadas e receitas previstas, situando-se na 9ª posição de entre os municípios de média dimensão e na 24ª posição a nível nacional.

No que diz respeito ao passivo exigível por habitante, Baião melhorou 14 posições, situando-se agora na 16ª posição entre os concelhos de média dimensão e na 30ª posição a nível nacional.

A autoria do Anuário Financeiro dos Municípios Portugueses cabe à Ordem dos Técnicos Oficiais de Contas e conta com o apoio do Tribunal de Contas e do Instituto Politécnico do Cávado e Ave. O documento foi coordenado pelo professor universitário João Carvalho e está a ser apresentado hoje, 28 de Fevereiro, numa cerimónia pública em Lisboa.

tags:

De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

pesquisar neste blog
 
subscrever feeds
blogs SAPO