Olhares descomprometidos, mas interessados, sobre o Marco de Canaveses. Pontos de vista muitas vezes discordantes, excepto no que é essencial. E quando o essencial está em causa, é difícil assobiar para o lado.
01
Mai 12
publicado por João Monteiro Lima, às 12:55link do post | comentar

Na sessão comemorativa do 25 de Abril, realizada na passada 4ª feira, a líder do grupo municipal do Movimento Marco confiante com Ferreira Torres, Natália Ribeiro, proferiu o seguinte discurso.

 

Dirijo-me a vocês não como Deputada Municipal mas como uma jovem, pós 25 de Abril de 1974.

O que sei desse dia foi-me contado por familiares e pelo que aprendi na História de Portugal. Não tive que lutar pela liberdade de expressão, mas outras lutas terei e teremos que enfrentar.
Eu sei que a situação actual não é a melhor em Marco de Canaveses, contudo, penso que é tempo de parar para pensar e lutar pelo dia de amanhã. Para isso, é necessário corrigir os erros do passado, olhar para o presente e assim, projectar um futuro melhor.

Ao procurarmos um país ou, um concelho mais justo, equilibrado e solidário, é necessária dar uma resposta que para ser atingida deve passar pelos jovens. Jovens empreendedores e dinâmicos que muitas das vezes não estão a ser valorizados, e por isso, são forçados a procurar respostas além fronteiras onde alcançam sucesso. O necessário é criar condições para que estes jovens venham contribuir e participem no nosso concelho, no nosso

país, pois somos nós que lhes proporcionamos a sua educação mas não conseguimos retirar proveitos decorrente da sua competência e conhecimento.

Para isso temos que deixar as diferenças politicas de parte, e lutarmos unidos para encontrar um caminho com a finalidade de tentar diminuir (porque acabar com elas é quase impossível) com as injustiças sociais, a falta de emprego e os problemas na saúde e na educação. Temos que nos unir para tentar travar este poço fundo onde o nosso país se encontra, só assim poderemos evocar de uma forma mais alegre Abril.

Por isso com a convicção que vamos ultrapassar esta fase difícil em que nos encontramos,

 

VIVA O 25 DE ABRIL

VIVA O MARCO DE CANAVESES

VIVA PORTUGAL

Marco de Canaveses, 25 de Abril de 2012


pesquisar neste blog
 
blogs SAPO