Olhares descomprometidos, mas interessados, sobre o Marco de Canaveses. Pontos de vista muitas vezes discordantes, excepto no que é essencial. E quando o essencial está em causa, é difícil assobiar para o lado.
26
Abr 09
publicado por José Carlos Pereira, às 10:00link do post | comentar

Os dirigentes marcoenses das duas principais organizações de juventude escreveram-nos. Bruno Pinto, membro do secretariado da Federação Distrital da JS, dá-nos conta da "Semana Federativa do Porto da Juventude Socialista", com visita marcada a Marco de Canaveses, mais concretamente a Soalhães, para inauguração de um núcleo da JS nesta freguesia. Estarão presentes, entre outros, Duarte Cordeiro (Secretário-Geral da JS), Nuno Araújo (Presidente da Federação Distrital da JS Porto) e Renato Sampaio (Presidente da Federação Distrital do PS Porto). Ler aqui o comunicado.
Luís Vales, vice-presidente da JSD e líder da Distrital do Porto,  informa-nos sobre uma petição à Assembleia da Republica em defesa dos jovens portugueses "porque  na actual conjuntura e instabilidade que vive o País, os jovens estão a encontrar um mercado de trabalho cada vez mais precário e cada vez mais distante das suas possibilidades." A petição pode ser subscrita em  http://www.peticao.com.pt/emprego-jovem.


O Bruno Pinto é um jovem inteligente e promissor que o PS deve agarrar com unhas e dentes para um futuro próximo.
As jotas do Marco estão, aliás muito bem servidas. Só espero que esses grupos consigam captar mais mulheres e não abandonem o Marco em busca de outras paragens como aconteceu com muita gente da nossa geração.
Maria Helena a 26 de Abril de 2009 às 14:34

É necessário que as Jotas não percam de vista que as suas organizações não são um fim em si, mas antes um meio para ajudar a construir um país ou um município melhores, numa estratégia concertada com os partidos em que essas organizações se integram.

pesquisar neste blog
 
blogs SAPO