Olhares descomprometidos, mas interessados, sobre o Marco de Canaveses. Pontos de vista muitas vezes discordantes, excepto no que é essencial. E quando o essencial está em causa, é difícil assobiar para o lado.
12
Mar 11
publicado por João Monteiro Lima, às 08:55link do post | comentar

O JN de hoje avança com a notícia que a PSP terá levado Avelino Torres à esquadra na sequência de uma rusga à viatura em que seguia e na qual terá sido encontrada uma arma de plástico.

Transcreve-se a notícia do JN:

 

Avelino Ferreira Torres foi interceptado pela PSP e levado para esquadra, ontem, quando seguia de carro com um amigo, no Porto. Tudo por causa da queixa de um empreiteiro que diz ter sido ameaçado pelo autarca. Na viatura, levava uma pistola de plástico.

A intervenção policial que visou o ex-presidente da Câmara do Marco de Canaveses, ontem de manhã, junto à Avenida da Boavista, não passou despercebida. "Vi um Mercedes C, cinzento, e outro carro a parar mesmo à porta do Horto da Boavista. Do segundo veículo saíram dois homens, que se dirigiram ao Mercedes. Aí deu para ver que era Ferreira Torres, que seguia no banco de trás. Os agentes passaram uma revista ao carro, incluindo à mala. Depois ficaram todos cerca de meia hora a conversar. Logo a seguir surgiu um carro-patrulha, que levou Ferreira Torres", contou uma testemunha.

Segundo o JN apurou, o agora vereador independente da Autarquia marcuense foi transportado para a esquadra para identificação e constituído arguido. A réplica da arma foi apreendida. A abordagem da PSP, que envolveu agentes da esquadra de Aldoar e da Divisão de Investigação Criminal, foi consequência de uma denúncia por alegadas ameaças, apresentada por um empresário da construção civil do Porto, com quem o autarca tem tido desavenças.

 


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds
blogs SAPO